Notícias

Conheça Edson Errera, o mestre da master

Aos 55 anos de idade, o piloto, empresário e professor de mecânica Edson Errera seguirá competindo na categoria master em 2020. E tem planos para a aquisição de uma moto nova!

Mas, de onde veio Edson? Como começou a competir?

“Fui preparador na motovelocidade desde 1995, mas só em 2005 realizei minha primeira entrada numa pista de corrida, com uma 125. Depois comprei uma Honda CBR 1000RR e participei de vários tracks até que, em 2008, fiz minha primeira inscrição numa etapa da Motovelocidade em Interlagos. Não atingi o índice de tempo necessário para classificar, então percebi a necessidade de fazer um curso de pilotagem. Tive a oportunidade de fazer um com Kevin Schwantz e Alex Barros. Em 2009, participei da primeira etapa do Superbike Series TNT junto com os carros! Foi uma prova de estreia!

Adquiri mais experiência correndo na Moto 1000GP até 2012. Em 2013, decidi me dedicar ao SBK e conquistei, nos últimos anos, com muita dificuldade e ossos quebrados, 3 títulos de Vice Campeão Brasileiro na categoria SBK Ligth Master em 2013, 2015 e 2019! Sou dono da equipe Errera Racing e também tenho uma oficina técnica de motocicletas e uma escola de treinamento de mecânicos há mais de 25 anos! Para 2020, temos planos de aquisição de uma nova motocicleta para a temporada que se inicia em março!” Disse Errera.

Com tantas responsabilidades, ficamos curiosos para saber como ele se mantém competitivo ao longo dos anos. E ele respondeu:

“Aí está uma grande dificuldade que assola a maioria dos pilotos aqui no Brasil. Poucos são os pilotos profissionais e contratados, estes tem condições financeiras e tempo pra se manterem competitivos. Agora, a maioria dos pilotos tem que trabalhar e se manter em forma de acordo com a realidade que vive. No meu caso, com 55 anos, tento me manter em forma com dieta balanceada e sem exageros, não é fácil! Por ter uma carga horária de trabalho elevada, em torno de 14 horas por dia dividindo meu tempo entre oficina e escola, sobra muito pouco tempo para treinos e atividades físicas, restando apenas os treinos livres que antecedem cada etapa. Como temos uma faixa etária acima dos 50 anos em minha categoria, me mantenho competitivo em relação aos outros pilotos.” Concluiu.

O SBK estará de volta em março, mas haverá uma etapa da copa Pirelli dia 23/02 em Interlagos. Fique por dentro de tudo que rola por aqui.