Notícias

Kawasaki domina as 600cc com vitória e recorde no SBK Brasil em Goiânia

A temporada da SuperSport tem sido especial para os pilotos da Kawasaki. A equipe estreante na categoria 600cc domina a disputa com vitórias em todas as etapas de 2019 até aqui e dois pilotos na briga pela liderança do campeonato. Em Goiânia, novamente eles mostraram a força nas pistas do SuperBike Brasil.

Nos treinos classificatórios de sábado, Matheus Barbosa (#260) bateu o recorde da pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna. O piloto estabeleceu a melhor marca do cirtcuito entre motos 600cc com uma volta em 1m25s972. No domingo, foi a vez de Leonardo Tamburro (#53). Ele venceu a corrida e, de quebra, assumiu a primeira posição na classificação geral.

O domínio na categoria surpreende até a própria equipe, que além de Matheus e Léo, também conta com José Duarte (#97) na disputa.

“Nós esperávamos brigar pela ponta, mas não dessa maneira. O nível da competitividade e das voltas que estão sendo feitas foi o que mais me surpreendeu”, avaliou Daniel Fabbri, chefe de equipe da Kawasaki.

“Além de dominar, a gente conseguiu dar um salto em relação ao que foi feito no ano passado. O nível melhorou, e dentro da nossa casa. Vamos tentar seguir nessa liderança entre os dois (Matheus e Léo) e tentar trazer o Duarte mais perto para colocar mais uma peça nesse time que está dominando e nos fazendo muito feliz”, completou.

Neste ano, a Kawasaki ao lugar mais alto do pódio nas quatro etapas do SuperBike Brasil – três vezes com Matheus Barbosa, e uma com Leonardo Tamburro. Na classificação, o #53 lidera o campeonato com seis pontos de frente para o companheiro de equipe. A disputa interna, no entanto, não tem sido problema entre os pilotos.

“Para o Léo, foi excelente a vitória. Acho que vai impulsionar, vai dar um algo a mais para ele seguir no campeonato e tentar manter a liderança, sabendo que o Matheus tá muito rápido e vai vir atrás desses pontos”, disse Daniel.

“Eu fico muito surpreso com a maneira que eles estão lidando com isso. Eu, lá dentro, tento deixar da maneira mais harmoniosa possível, mas dependo que eles se entendam entre eles e respeitem um ao outro. Isso tem sido muito bom, não tenho queixas para fazer e espero que a gente siga assim até o fim do ano”, acrescentou.

Foto: Sampafotos